Autonomia no trabalho: conheça os benefícios para sua equipe

Autonomia no trabalho: conheça os benefícios para sua equipe

A autonomia no trabalho tem sido um fator decisivo na hora de jovens profissionais optarem entre vagas de emprego. Além de entenderem que empresas estão cada vez mais atualizadas com relação a novos modelos de trabalho, estes profissionais buscam mostrar seu potencial frente aos gestores e mais liberdade ao colaborar dentro das equipes. 

Para você entender a importância do incentivo à autonomia no trabalho e os resultados positivos que ela agrega à sua empresa, preparamos este artigo onde iremos mostrar os passos e as ferramentas para essa prática entrar em ação. 

 

O que é autonomia no trabalho? 

A autonomia no trabalho, que se intensificou com a chegada da geração Y e Z nas empresas, é a capacidade de administrar de forma mais produtiva o tempo e as tarefas exercidas durante o trabalho,  as próprias ações, atividades e tomadas de decisões durante o expediente.

Esse conceito se opõe à microgestão, modelo no qual o controle do fluxo de trabalho é exclusivo e definido pela hierarquia da empresa, o que dificulta a inovação e provoca uma sensação de insatisfação profissional. 

A autonomia no trabalho, por sua vez, coloca os colaboradores como protagonistas de suas carreiras. Assim, a partir do alinhamento com a cultura organizacional do local onde trabalham, as pessoas têm a liberdade de definir suas prioridades e encontrar soluções mais adequadas para os problemas. 

A oferta da autonomia no trabalho é vista como fruto da gestão humanizada, que incentiva a participação ao mesmo tempo em que atribui responsabilidades. Como resultado, os profissionais conseguem praticar a autogestão

>> Leitura recomendada: Como a liderança liberal incentiva a autonomia no trabalho 

Autonomia como tendência para o futuro do trabalho

O relatório Perspectivas para o Mercado de Trabalho 2022 – América Latina, encomendado pelo instituto Page Group, mostrou que 58% dos brasileiros têm mais facilidade para desempenhar suas atividades quando encontram independência no trabalho.

Outro  estudo publicado na Harvard Business Review indica que 59% dos entrevistados preferem  flexibilidade a  benefícios financeiros. 

Contudo, os pesquisadores constataram que a flexibilidade mencionada estava relacionada ao poder de escolha em como executar suas tarefas, utilizando ferramentas tecnológicas como o Runrun.it para criar uma rotina produtiva e satisfatória a partir da autonomia no trabalho. 

É justamente pela capacidade de engajar os funcionários em torno de uma marca que a autonomia está sendo considerada uma tendência para o futuro do trabalho. Porque com ela, há uma motivação intrínseca para cada exercer seu papel e desbloquear novas habilidades. 

>> Leitura recomendada: Saiba como engajar a sua equipe com a motivação intrínseca

Benefícios da autonomia no trabalho 

Incentivar a autonomia em profissionais de todos os setores gera diversos benefícios, que vão de desenvolvimento profissional até satisfação com o ambiente e gestão internas. Dar mais autonomia não significa abrir mão de acompanhar o fluxo de trabalho, e sim criar possibilidades de soluções criativas para um problema que antes dependeria apenas de uma gestão centralizada. 

Melhora da eficiência 

Ao dar confiança aos profissionais por meio da autonomia no trabalho, as companhias conquistam melhores resultados, tanto na produtividade, quanto na segurança para a tomada de decisão. 

Entre outros atributos relacionados ao desempenho estão a proatividade, o senso de responsabilidade e a inovação, já que a liberdade proporcionada gera ideias mais criativas. 

A autonomia também é importante para que haja uma divisão mais clara de responsabilidades, liberando tempo para que os líderes se dediquem a outras tarefas, como pensar em melhorias para equipes e projetos, dar feedbacks e aprimorar as estratégias. 

Mais reconhecimento 

A autonomia no trabalho é como um voto de confiança no colaborador. Portanto, é natural que as equipes se sintam mais reconhecidas pelos seus esforços e ampliem a sua dedicação. 

A partir de práticas vindas de uma liderança compartilhada, na qual as atribuições são de responsabilidade de todos, os feitos conquistados são mais satisfatórios e aumentam o engajamento. 

Desenvolvimento de competências

A partir do momento que a autonomia é constante no trabalho, é natural que haja um estímulo ao aprimoramento profissional, no qual as pessoas se sentem mais valorizadas e apresentam novas habilidades. 

>> Leitura recomendada: Saiba como desenvolver as real skills

Atrai talentos 

Ser vista como uma empresa que favorece a autonomia no trabalho funciona como atração para profissionais que veem essa característica como indispensável, além de manter os talentos da casa ainda mais motivados em realizar novos projetos. 

Práticas que proporcionam a autonomia no trabalho 

O fortalecimento da autonomia no trabalho passa pela adoção de atitudes empoderadoras e ferramentas completas, que tornam as equipes mais conectadas e o acompanhamento do fluxo de trabalho mais prático e inteligente. 

Nos próximos tópicos, selecionamos algumas dessas dicas para você colocá-las em ação. Confira! 

Divida responsabilidades

Dividir atividades de forma equilibrada é uma das maneiras de garantir autonomia no trabalho. 

Mas muitas vezes, isso se torna  uma missão complicada. Por isso, é importante rever como acontece o ato de delegar tarefas e entender a disponibilidade de cada membro da sua equipe. 

No Runrun.it, a visualização pelo gantt permite o acompanhamento da capacidade dos profissionais do seu time, tornando a alocação de responsáveis na tarefa mais justa e evitando a sobrecarga de trabalho. 

Invista na comunicação 

Outro aspecto para ficar atento se você quer incentivar a autonomia é na comunicação. Atualmente ela flui com facilidade pela sua equipe? 

É importante que todos tenham acesso à informação por meio de uma ferramenta rápida e transparente como o Runrun.it

Na plataforma, é possível dialogar com as equipes envolvidas por meio de chats e comentários, anexar arquivos e até mesmo aprovar materiais com os clientes por meio do usuário convidado

Flexibilize o acompanhamento 

Um dos maiores problemas enfrentados na gestão de equipes é a sensação de que as lideranças estão controlando cada segundo de trabalho, provocando uma pressão que é contraprodutiva. 

Para colocar a autonomia do trabalho em ação e ao mesmo tempo acompanhar a evolução dos projetos você pode contar com um software de gestão como o Runrun.it

Na plataforma, é possível criar quadros de projetos compartilhados, permitindo que os profissionais organizem seus fluxos de trabalho com independência, sinalizando suas prioridades e mantendo todos informados dos avanços das atividades. 

Assim, todos conseguem visualizar as ações de ponta a ponta em diferentes ambientes, seja no escritório ou no trabalho remoto. E graças aos recursos automatizados, os detalhes sobre produtividade e desempenho são coletados de acordo com suas próprias métricas, sem a necessidade da interrupção do trabalho. 

Experimente o melhor  formato de avaliação 

Estabeleça como você vai identificar (seja com a avaliação de desempenho, feedback canvas, ou qualquer outro sistema) os colaboradores que têm uma performance satisfatória e como vai empoderar aqueles que precisam atingir um desempenho melhor.

Portanto, se sua equipe sabe o que deve fazer, qual ordem as coisas devem seguir, se há um canal para alinhamentos e os recursos para ser motivada, você tem o ambiente ideal para começar a mudar seu modelo de gestão. A liberação corporativa poderá acontecer com maior segurança e trazer melhores resultados.

Mais dicas para incentivar a autonomia 

A autonomia já é uma característica pessoal de alguns profissionais – e outros precisam desenvolver. Afinal, a colaboração virtual, é uma das habilidades esperadas para o futuro, segundo o Institute For the Future – e tem tudo a ver com ser autogerenciável. 

Sua empresa precisa, então, ajudar no desenvolvimento dessa competência, considerando que ela será essencial para atender às tendências de mercado. Então, como a autogestão pode provir de um incentivo do próprio gestor, resumimos as nossas dicas para tornar seu time mais autônomo:

  • Incluir a liberdade como um valor da empresa;
  • Indicar quais são as métricas de cada colaborador;
  • Guiar os colaboradores diante dos desafios para que eles tomem a decisão;
  • Solicitar, ouvir e considerar a opinião de todos envolvidos em uma situação;
  • Oferecer ferramentas para cada um gerenciar seu tempo e para todos se comunicarem;
  • Realizar reuniões curtas em que todos expressem suas dúvidas e angústias;
  • Proporcionar uma avaliação 360 graus, em que todos se avaliam.
 

Como já vimos ao longo do texto, o Runrun.it pode te ajudar a aplicar esse modelo de gestão. Para você não precisar olhar sobre os ombros de seus funcionários, garantir transparência, comunicabilidade e confiança, busque uma ferramenta como o Runrun.it

A ferramenta atua como seu aliado ao oferecer todas as funcionalidades necessárias para dar autonomia aos seus colaboradores e incentivar a participação da sua equipe nos projetos mais importantes. Faça um teste gratuito agora mesmo: http://runrun.it

autonomia do trabalho
 

Pesquisas mencionadas 

https://www.pagepersonnel.com.br/estudos-e-tend%C3%AAncias/perspectivas-2022

https://hbr.org/2021/10/forget-flexibility-your-employees-want-autonomy

http://www.iftf.org/fileadmin/user_upload/images/whatwedo/IFTF_FutureWorkSkillsSummary.gif

2 thoughts on “Autonomia no trabalho: conheça os benefícios para sua equipe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>