Como influenciar pessoas? 9 lições atemporais

Como influenciar pessoas? 9 lições atemporais

O que faz um(a) líder ser diferente de seus liderados? Experiência? Nem sempre… A biografia dos maiores líderes não nos deixa mentir: foram quem foram porque usaram e criaram todas as oportunidades possíveis de crescer. Extraíram o maior bem do maior mal. Alcançar a liderança não é alcançar um título de distinção, mas causar impacto por compreender algumas leis da natureza humana. E assim, a influência do líder reverbera pela boca e pelas mãos de quem vai ao seu lado. Não ao seu redor ou atrás, mas ao seu lado. Afinal, só é capaz de criar outros líderes – e não seguidores – aquele que se reinventar sempre, sem por isso abandonar algumas lições eternas. E por falar nelas…

1. Oportunidades estão em toda parte, mas poucos podem vê-las

Comece a olhar além do óbvio. Liderar exige que você veja os detalhes e não permita que sua capacidade crítica definhe, ou você pare no tempo e não procure por novas perspectivas para os seus problemas. Por exemplo, se o relacionamento do time não é dos melhores, pode não ser pela correria do dia a dia, a equipe que cresceu etc. (o óbvio), mas pela cultura receptiva da empresa que foi esquecida, gestores que se desentenderam e isolaram suas equipes ou a contínua falta de gentileza (o detalhe).

2. Mudança sem estratégia não é evolução, mas mera substituição

Não espere até que as circunstâncias forcem sua mão a mudar. Prever e saber lidar com a mudança é a regra de ouro oculta em cada briefing das suas tarefas. Infelizmente quem ignora isso coloca em risco o futuro da empresa e o desempenho da equipe. Pergunte-se: qual é a pior coisa que pode acontecer? Então, prepare-se para isso e trabalhe duro para aperfeiçoar o pior. Um planejamento estratégico e bem comunicado servirá para todos minimizarem os riscos juntos em busca da maior recompensa possível.

3. Empreendedorismo é um estilo de vida

Você não precisa ser um empreendedor para ter uma postura empreendedora nem fundar uma startup para estar cercado de gente ambiciosa, enérgica e criativa. Pensar na contínua renovação e reinvenção de você mesmo como líder, isso sim te fará influente. Mas como nada pode ser reinventado num piscar de olhos, o estilo de vida empreendedor deve ser uma mentalidade assimilada por toda a equipe. Hyundai e Google são referências no mercado porque investem em testar ideias que podem vir de qualquer um, independentemente da hierarquia.

4. É preciso estar muito bem disposto a ser uma influência

Todos nós temos grandes ideias, mas muitas delas não têm coragem de sair do papel até descobrirmos que nosso concorrente está fazendo aquilo que nós pensamos antes. Por isso é tão importante fazer uma avaliação da cultura da empresa a cada três anos, em média. Isso pode parecer uma trabalheira, mas o mercado exige. Não precisam ser mudanças radicais, mas uma revisão da forma de fazer as coisas, desde a gestão de tarefas e tempo do time até a relação interpessoal entre chefes e colaboradores. Não confie que só a sua equipe bastará para te ensinar o que você deve saber. Corra, por sua conta, atrás de mais conhecimento.

5. O líder perde sua fortuna quando perde sua autoconfiança

Confiar em si mesmo é a habilidade de conhecer seus pontos fortes bem o suficiente e saber que suas fraquezas não influenciarão seus resultados no trabalho. É a capacidade de saber que, quando seu esforço, seu preparo e sua vocação encontrarem as oportunidades, você estará pronto para qualquer situação. Quantas vezes você ouviu uma voz dizendo “vá, faça”, e você não fez e esperou que outros assumissem o risco? Afinal, você pediu que eles te influenciassem? Não é o contrário que você quer?

6. Se não eu, quem? Alguém, com certeza

A sua liderança é uma marca e cuidar dela é missão de vida para uma pessoa que quer influenciar e inspirar segurança no seu ambiente de trabalho. Gerir a sua marca de liderança é semelhante a gerir a marca da sua empresa. Quando os líderes não conseguem definir uma identidade para sua equipe, a organização começa a perder sua vantagem competitiva (incluindo a proatividade, a resiliência e a criatividade). Se você não for fiel à sua própria marca de liderança, alguém o fará e sua identidade se tornará vulnerável. Por isso, descubra que tipo de inspiração você é e não deixe jamais de transmiti-la. Uma crise da sua imagem tornará ainda mais fácil duvidar da sua capacidade, seus objetivos e suas decisões.

7. A adversidade pode destruir ou revelar você

Não há como contestar que a maneira como você conduz sua equipe enquanto atravessa um conflito e uma crise são as primeiras lembranças que virão à cabeça das pessoas. Quando tudo desmorona, você pode ser mais um escombro ou a coluna que ergue a ágora. Sua marca estará no centro das atenções. É nessas horas que você constrói quase toda a reputação de uma carreira. O que os outros encaram como um grande problema você pode ver como um empecilho facilmente reversível ou controlável. É examinando as adversidades com a “lente da oportunidade” que você prova ser um privilégio estar sob a sua liderança

8. Diz-me com quem andas e eu te direi como lideras

As pessoas com quem você decide se associar influenciam significativamente as suas intenções, as decisões que você toma, e acabarão por moldar o seu estilo de liderança. Por isso, pergunte a si mesmo o que você ganha com cada um dos seus colegas de trabalho e o que você lhes oferece. Afinal, eles são capazes de te mostrar suas fraquezas e te encorajam a buscar ser uma pessoa mais forte e um líder mais maduro? Para ser alguém mais influente, você antes tem de entender como as outras pessoas te influenciam, a ponto de romper a sua visão conservadora do mundo, seus bons modos no dia a dia e até mesmo os seus propósitos mais elevados de vida.

9. O sucesso de um líder não é perdido nem ganho em um instante

Ninguém será líder se quiser fazer tudo sozinho ou ganhar todos os créditos por um feito. E a única maneira de levar alguém a fazer algo com você é despertar nele a grande vontade de fazer. Vontade essa que não surge de uma grande expectativa depositada, e sim do sentimento de que aquela tarefa é um divisor de águas, uma responsabilidade como cuidar de um filho, que dará ainda muito orgulho, até antes do que se pensa. Por isso a liderança não se alcança do dia para a noite. Fomentar esse sentimento é recusar-se a fazer falsas promessas e, em vez disso, demonstrar regularmente o seu maior interesse na necessidade dos outros de crescer. Educação custa dinheiro? Também custa a ignorância.

10. Uma atitude agora

Se há uma atitude que você pode tomar agora mesmo para se tornar um líder mais influente e inspirar toda uma equipe é tornar a sua metodologia de trabalho mais simples e inteligente. Conheça o software de gestão de tarefas, tempo e desempenho adotado por mais de 100 mil empresas em mais de 100 países do mundo. Experimente o Runrun.it grátis: http://runrun.it

Gif_Signup-1-1-3

2 thoughts on “Como influenciar pessoas? 9 lições atemporais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>