“O futuro será liderado por aqueles que souberem resolver problemas complexos” – Rachel Horta

“O futuro será liderado por aqueles que souberem resolver problemas complexos” – Rachel Horta

Talvez você já tenha ouvido falar que 90% dos dados existentes no mundo hoje foram gerados nos últimos dois anos. A produção exponencial de dados se tornou inevitável. Rachel Horta vê como um desafio latente das empresas saber escolher os dados certos para a tomada de decisão. Por isso, em 2009, ela lançou no mercado brasileiro uma das primeiras plataformas de Social Data Analytics, o Zahpee Monitor, de onde se originou a Hekima.

Depois de trabalhar em agências de comunicação e departamentos de marketing de grandes empresas, ela se tornou empreendedora, lançando três empresas nos segmentos de comunicação e tecnologia. O investimento mais recente é a startup Hekima, especializada em Big Data e Inteligência Artificial, em que é CEO. Em uma área ainda com poucas mulheres, Rachel é uma liderança inovadora.

A conversa com Rachel Horta faz parte da série “Meu Trabalho”, de entrevistas exclusivas para o blog do Runrun.it.
rachel horta

1. O que faz a Hekima?

A Hekima é uma startup de Big Data e Inteligência Artificial pioneira no Brasil que tem como missão acelerar a transformação digital de negócios e organizações por meio da utilização estratégica de dados. Através de plataformas tecnológicas proprietárias e projetos customizados aplicamos, desde 2008, as mais avançadas tecnologias cognitivas soluções de problemas de negócio. O objetivo é melhorar os processos de trabalho e adquirir insights valiosos acerca das tendências de mercado, comportamento dos consumidores e suas expectativas.

>> Leitura recomendada: Por que você e sua empresa precisam entender o que é Big Data Analytics

2. E quantas pessoas trabalham lá?

Hoje somos 30 pessoas, somando os dois escritórios, localizados em Belo Horizonte e São Paulo.

3. É gente dividida em duas cidades… Quantas reuniões você faz por semana?

No mínimo, duas ao dia.

4. Tem contato com todas as equipes?

Sendo CEO, faz parte do meu dia a dia interagir com todas as equipes da Hekima. Naturalmente, cada uma das equipes – comercial, marketing, tecnologia, produto, back-office e financeiro – tem seus respectivos líderes.

5. E com os clientes?

Busco sempre interagir com todos os clientes da empresa. É fundamental, mesmo que eu não esteja no dia a dia da entrega final, entender suas necessidades e desafios, para que eu possa cada vez mais, apoiar a equipe na entrega do melhor serviço/produto.

6. Como CEO, qual é seu maior desafio na Hekima?

Conseguir manter a “lanterna na popa”, antecipar tendências e identificar novas oportunidades e ser capaz de apoiar o running do dia a dia é mesmo um desafio eterno. Pode parecer impossível realizar as duas atividades, mas é fundamental saber dosar o tempo e investimento em cada uma delas.


“Toda flexibilidade implica em ainda mais responsabilidade e disciplina para que não se perca o foco, que é a melhor entrega para os nossos clientes.”


7. Nos conte um pouco sobre como é trabalhar lá.

A Hekima é realmente um espaço de trabalho estruturado para o novo modelo de gestão das organizaçõs exponenciais. Extremamente flexível, leve, integrado e aberto, possibilita a troca e colaboração constante entre os times. O físico e o virtual fazem parte do nosso dia a dia. Como temos times em SP e BH, a conexão via ferramentas digitais é uma constante e é o que nos permite estarmos sempre alinhados, independente do local de trabalho.

O espaço e a nossa cultura permitem uma forma de pensar e agir mais informal e aberta. Por exemplo, temos várias iniciativas como o “dog’s day”, dia que você pode trazer o seu cachorro para trabalhar. É uma forma de aproximarmos ainda mais dos hábitos e lifestyle de nossos colaboradores. Se eles passam mais de 8 horas/dia dentro da Hekima, é nossa missão buscar transformar este espaço o mais prazeroso possível.

Mas toda flexibilidade implica em ainda mais responsabilidade e disciplina para que não se perca o foco, que é a melhor entrega para os nossos clientes.

>> Leitura recomendada: Como a organização das equipes pode influenciar na produtividade dos colaboradores

8. Além de foco e disciplina, que dicas você para ser mais produtivo?

Em primeiro lugar, é fazer algo que lhe dê prazer. Isso não significa que você terá 100% do seu tempo de trabalho realizando apenas tarefas prazerosas. Pelo contrário. Mas é muito importante gostar do que se faz, ter um propósito para fazer sentido e ser capaz de superar os obstáculos e as adversidades do dia a dia.

Equilíbrio entre corpo, mente e espírito. Parece piegas mas quando cuidam da sua saúde com uma boa alimentação, exercícios físicos, tempo para uma meditação e desenvolvimento da espiritualidade (não falo de religião), nos tornamos mais produtivos. Não digo que é uma tarefa fácil, mas disciplina é condição fundamental para um pessoa que deseja ter uma vida pessoal e profissional saudável e de excelente desempenho.

9. Sua área é uma tendência por si só. O que é fundamental para trabalhar com isso?

Data-Science é a profissão do momento. Mas não devemos nos esquecer de que é fundamental aliar a esta formação, conhecimentos sobre negócios, gestão e desenvolvimento de skills complementares como habilidades para lidar com pessoas.

O profissional do futuro, seja ele qual for, terá que ser múltiplo, adaptável e com capacidades técnicas e interpessoais complementares.

>> Leitura recomendada: Conheça mais de 30 ferramentas que usam inteligência artificial

10. E para quem está começando?

Busque uma boa formação. Profissão você terá várias ao longo da vida. Busque ter uma boa base que te permita transitar em várias áreas do conhecimento. Mesmo dentro da tecnologia. O futuro será liderado por aqueles que souberem resolver problemas complexos, se adaptar e aprender muito rapidamente, com empatia e habilidades sociais avançadas.

Trabalhar em um mercado de vanguarda como o de Big Data e Inteligência Artificial requer uma energia muito grande para arriscar, se permitir errar, corrigir rapidamente o erro e adaptar-se. Naturalmente que isso exige uma energia muito grande e portanto, precisei ser ainda mais focada na qualidade e no equilíbrio das minhas atividades focadas em saúde, mente e espírito. Dizem que sou rigorosa demais mas é o que me mantém organizada e energizada para lidar com tantos desafios no meu dia a dia.

Aprender a focar em uma coisa de cada vez é transformador. Ainda é um desafio mas isso permitiu me tornar mais organizada e menos ansiosa com tantas atividades para lidar.

11. Você fala em transformar, e está no olho do furacão da inovação…

Somos parte desta transformação: Big Data e Inteligência Artificial é o que está por trás de todo este processo de transformação das relações, dos negócios, das organizações.

12. O que você fazia há 10 anos e não faz mais no trabalho?

O que mais mudou de lá pra cá foi a possibilidade de estar em vários lugares ao mesmo tempo, sem a necessidade de deslocamento. Em um mesmo dia, faço reuniões em Belo Horizonte, São Paulo, São Francisco e Lisboa, sem precisar sair da minha sala. Isso sim é incrível. Não importa onde estou localizada. Consigo trabalhar de qualquer lugar no mundo e isso não prejudica em nada o meu dia a dia, muito pelo contrário. É essa diversidade e esta possibilidade que me permitem ser múltipla e ainda ter qualidade de vida pessoal e profissional. Trabalho com muito mais prazer, pois a possibilidade de estar e conviver com diferentes pessoas e lugares alimenta a minha alma.

13. E daqui a 5 anos, como você se vê?

Liderando uma das melhores e mais respeitadas empresas de Soluções de Advanced Analytics, da América Latina – a Hekima.

14. Você fala muito em equilíbrio. O que você considera fundamental para atingi-lo?

Meditar, exercitar diariamente e manter uma alimentação equilibrada e saudável, mesmo viajando com tanta frequência. Isso me ajuda a ter sabedoria para priorizar e energia positiva para me entregar de verdade e com dedicação em todos os papéis que eu exerço: mãe, esposa, profissional, filha, amiga, irmã, líder, colega de trabalho e cidadã.

15. Que conselhos você daria ao seu ‘eu’ de 10 anos atrás?

Seja mais condescendente consigo mesma. E nada é eterno.


Gestão inteligente

O Runrun.it é uma ferramenta que auxilia na gestão de projetos e na tomada de decisão. É possível dar mais espaço para ideias criativas ao centralizar o controle da comunicação e das horas dos seus colaboradores. Com a ferramenta, você consegue manter um monitoramento regular das atividades, acompanha o andamento de cada tarefa realizada e quanto tempo falta para que seja concluída. Conheça mais testando grátis: http://runrun.it

Conteúdos que você pode gostar:

Gif_Signup-1-1-3

2 thoughts on ““O futuro será liderado por aqueles que souberem resolver problemas complexos” – Rachel Horta

  1. Parabéns pela entrevista. Fiquei muito feliz com as perguntas porque são questionamentos que se faz no dia a dia. Farei meus alunos lerem e refletirem sobre ela

Deixe um comentário to Boni Poetsch Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>