Sílvio Celestino: Quem você será quando se aposentar?

Sílvio Celestino: Quem você será quando se aposentar?

Se você se encaixa no perfil que descreverei agora, peço que leia este texto com atenção redobrada. São profissionais que passaram dos 30, mas ainda têm grande dificuldade para aceitar conselhos de outros e, como se veem longe de se aposentar, acreditam que não precisam pensar no longo prazo. O meu alerta é que, se você raramente reflete sobre o futuro da sua carreira, acabará reduzindo suas alternativas, ano a ano. Com isso, menores serão as chances de conquistar seu emprego dos sonhos ou um cargo que pague o quanto você quer, e maior será sua frustração e sua necessidade de esforço para compensar a falta de planejamento.

 

Deixando pra depois você pode acabar deixando pra lá

Bem, se você não fizer um planejamento aos 30, quando chegar aos 50, o que era para ser longo prazo terá se tornado curto prazo. Por isso, o melhor momento para pensar na sua renda pós-aposentadoria é agora, e sempre. Aconselho você a conversar com alguém da sua profissão que já se aposentou ou que está prestes a se aposentar. O que houve com a renda dessas pessoas? Você descobrirá o que provavelmente acontecerá com a sua. Quero bater novamente nesta tecla: é fundamental que você cultive o hábito de se informar sobre o que está acontecendo com o mundo, com o Brasil e com o setor em que atua. Se você não interpretar o que as notícias antecipam e o que os grandes estudiosos da sua área ensinam, você provavelmente não conseguirá se proteger de uma crise econômica, e ainda poderá negligenciar a força de novos concorrentes locais ou estrangeiros.

 

Praticamente tudo pode ser aprendido

Com o passar do tempo, você será responsável por pessoas – e será cobrado por isso. Afinal, ter um profissional técnico de 40 anos é muito caro para as empresas, e você terá de se transformar em um(a) gestor(a). Como alternativa, poderá ser um(a) consultor(a) autônomo(a), mas ainda que decida empreender (e eu recomendo que tente isso), não poderá fugir da liderança. Sei que parece difícil para alguns, por exemplo, aprender inglês, mas é necessário estar em contato com o que há de mais avançado na sua área, de publicações a eventos. Faça o que for necessário para aprendê-lo. Não creio que o mundo seja caridoso conosco e, em compensação, vejo que as exigências só aumentam com o passar do tempo. No entanto, se você equilibrar suas decisões agora com as consequências no futuro distante, e fizer um planejamento, terá um leque com alternativas para manter seu padrão de vida e sua paz de espírito. Essa é uma conquista importantíssima para você e também para a sua família.

 

silvio_celestino_blog

Sílvio Celestino é colunista do Blog do Runrun.it, autor do livro Conversa de Elevador – Uma Fórmula de Sucesso para sua Carreira e sócio-fundador da Alliance Coaching. @silviocelestino.

 

 

 

 

Você também pode gostar de ler:

 

620x200_plan

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>