Desenvolva sua inteligência emocional em equipe para trabalhar melhor

A inteligência emocional em equipe ganhou força nos círculos empresariais. Atualmente, além das competências técnicas tradicionais, é necessário possuir inteligência emocional para conseguir lidar com os sentimentos e emoções que podem surgir no trabalho.

Emoções são naturais e inevitáveis, principalmente quando você é apaixonado pelo o que faz. Com isso, fica mais fácil se frustrar e desanimar com uma tarefa mal realizada.

Portanto, reconhecer seus problemas de forma objetiva e trabalhar para encontrar estratégias podem ser formas de superar os efeitos dos sentimentos sobre nossas vidas profissionais. Afinal, eles destroem nossa produtividade por completo.

Confira 4 alternativas de inteligência emocional em equipe para trabalhar melhor:

 

1. Faça o que você faz melhor

Intimidação e medo são emoções poderosas, e que podem interferir completamente na sua produtividade. Principalmente se as suas propostas e tarefas forem rejeitadas de forma consistente. Por que aí você pode se sentir desconfortável e inseguro para realizar novamente.

Uma dica é não priorizar o problema em questão ou se preocupar com o baixo desempenho. Foque em tarefas e responsabilidades que você sabe que você pode fazer muito bem.

2. Para a inteligência emocional em equipe ser assertiva, você precisa experimentar

Após uma falha ou logo depois de seus planos não saírem do jeito que você esperava, é natural que se sinta frustrado. Frustração pode nos levar a uma série de emoções negativas e maus hábitos, incluindo a tendência de nos isolar ou desistir do trabalho por inteiro.

Em vez disso, quando você se sentir frustrado, lembre-se de que sua frustração é o caminho para o sucesso. Se você experimentar novos caminhos, a sua frustração pode desaparecer.

3. Tenha perspectiva

A ansiedade pode acabar com a sua atenção. Se você gasta seu tempo se preocupando com os resultados de uma tarefa, você provavelmente não vai gastar esse tempo para melhorar o seu desempenho nesta mesma tarefa.

Há muitos truques para aliviar a ansiedade, mas um dos mais úteis é traçar uma perspectiva sobre o problema que você está resolvendo.

4. Estabeleça um foco

A falta de foco é um grande causador de estresse no trabalho em equipe. Basicamente, ter foco é ter um objetivo bem definido dando prioridade máxima em fazer algo, não se desviando para outros caminhos. Assim, você provavelmente obterá sucesso, mesmo que a tarefa seja uma tarefa que exija muito.

Por outro lado, a falta de foco te fará gastar muita energia sem sucesso. Portanto, acabar com interrupções e distrações é fundamental para atingir seus objetivos. A falta de foco dá aquela sensação de que você não está progredindo e que sempre tem muita coisa para fazer (o que não deixa de ser verdade, já que você não avança nos seus objetivos).

A nossa dica seguindo a perspectiva da inteligência emocional em equipe: quando as expectativas são as mais diversas possíveis, os compromissos são muitos, os projetos são complexos e o trabalho em equipe se perde na comunicação com as pessoas, é preciso ter um bom controle sobre as suas tarefas.

E você pode encontrar isso no Runrun.it, o gerenciador de tarefas ideal para organizar o fluxo de trabalho e deixar todos na mesma página sobre as demandas e prioridades. Teste grátis agora: http://runrun.it

inteligência emocional em equipe”=

Assine nossa newsletter para receber conteúdo exclusivo

    Ao assinar a newsletter, declaro que conheço a Política de Privacidade e autorizo a utilização das minhas informações.

    Compartilhe!

    Assine nossa newsletter para receber conteúdo exclusivo