Você sabe como negociar em outros países?

Você sabe como negociar em outros países?

Eu não sei negociar em outros países. E isso pode ser bem complicado para quem lida com mercados estrangeiros. Segundo o livro When Cultures Collide, do linguista britânico Richard D. Lewis, não basta saber o idioma do grupo com o qual você pretende negociar. É preciso entender, acima de tudo, sua cultura.

Eu jamais saberia, por exemplo, que os finlandeses são super pragmáticos. Ou que os suecos discutem, contextualizam, resistem, justificam, chegam a um consenso, voltam a discutir, resumem a discussão, voltam a ela, relutam para achar um novo consenso e chegam à conclusão de que não precisam mudar.

Que os franceses estão prontos para grandes discussões lógicas e que os italianos podem se tornar cada vez mais prolixos, apesar de flexíveis, eu já deduzia… E nos EUA? Direto ao negócio, abertos para concessões, desde que os dois lados cedam. Aqui neste link da Business Insider você confere os diagramas criados pelo linguista com os padrões da comunicação em vários países do mundo.

E no Brasil, como seria nosso diagrama? A melhor resposta ganha uma assinatura do Runrun.it!

Você também pode gostar de ler:

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>