O que é BI e como a inteligência nos números pode organizar a sua empresa

O que é BI e como a inteligência nos números pode organizar a sua empresa

how to split cialis pills

Já ouvi muito falar de business intelligence, mas não sei o que é

herbal viagra boots uk

compare prices cialis 20mg

Decisões tomadas a partir de dados… BI tem a ver com big data, então?

tadalafil 10mg canada

sildenafil teva 50 mg tablets

chinese viagra herb

Como big data e business intelligence estão mudando os negócios

Aumento no “self service” de business intelligence

Hendricks cita ferramentas como o software Tableau, que estão ganhando imensa popularidade – menciona também o sucesso de empresas como USEReady, que ajudam organizações a implementar essas soluções “self service”.

O autor menciona os dois modelos mais vigentes de BI até então: o primeiro, mais centralizado, com um departamento que gerencia os dados; e o segundo, descentralizado, em que cada departamento pode gerenciar seus próprios dados.

Mas, para a maioria das organizações, nenhum desses modelos seria o ideal. Uma fonte centralizada de dados limita o acesso às informações, e o uso de várias fontes pode complicar os processos. Assim, o fator-chave de sucesso pode ser um modelo híbrido de governança de dados, em que empresas contam com uma organização orientadora (como o USEReady) para implantar iniciativas de BI.

Business intelligence mais ágil

Não para de crescer o número de empresas que constatam que BI é indispensável para a tomada de decisões. E, mais importante, essas organizações estão trabalhando para que a informação seja ágil.

Prova deste movimento é a afirmação de Carly Fiorina, ex-CEO da Hewlett-Packard:

“O ponto é transformar dado em informação, informação em conhecimento e em insight, e conhecimento em vantagem competitiva – e fazê-lo em questão de minutos e segundos, não em dias ou semanas.”

Business intelligence ágil significa automatizar práticas diferentes de BI para ajudar a simplificar a forma como profissionais podem atualizar informações para novos projetos. A orientação é a de que fornecedores e usuários de BI foquem em como as ferramentas permitem uma utilização independente dos dados. Ao mesmo tempo, esses dados devem ser facilmente visualizáveis, de forma que possam gerar insights por toda a organização.

Demanda crescente por dados mobile

A análise de dados mobile fez com que o já mencionado software Tableau chegasse ao topo das tendências de BI. Isso prova como esse tipo de dado continua a dominar o setor de tecnologia; e não é surpresa que empresas procurem cada vez mais por soluções semelhantes.

Para empresas que contam com colaboradores remotos ou times espalhados por grandes distâncias, as análises de dados mobile tornam-se ainda mais importantes. São muitos os profissionais que já passaram por uma situação em que, seja por viagem ou simplesmente por estarem afastados do escritório, não conseguiram acessar dados críticos para o negócio.

Além do Tableau, outras soluções como QlikView Mobile, e Yellowfin estão competindo pela aderência das empresas – o que resulta numa saudável concorrência e em produtos melhores para você.

>> Leitura recomendada: Google Analytics: A tendência que está transformando a gestão de pessoas

A ferramenta que também aprimora sua tomada de decisões

Já que estamos falando de fazer as escolhas mais efetivas para seu negócio, não podemos deixar de mencionar o viagra 100mg pfizer wirkungsdauer Runrun.it, que tem tudo para ser o braço direito da sua gestão.

A ferramenta te ajuda a delegar melhor e a distribuir tarefas para sua equipe de forma organizada, permitindo que você tenha mais visão sobre o que deve ser feito. E o cialis generika wo kaufen forum Runrun.it ainda gera relatórios com o desempenho dos profissionais e dos projetos. É informação precisa que vira decisão acertada, sem “chutômetro”. Experimente grátis hoje mesmo: red nose viagra http://runrun.it

Gif_Signup-1-1-3

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>