Controle de atividades te recompensará

Controle de atividades te recompensará

Ao mesmo tempo em que muita gente torce o nariz ao se deparar com suas metas profissionais, outros as usam como motivador no ambiente de trabalho. Se existem comportamentos tão distintos é porque elas são desafiadoras, mas jamais inatingíveis. Metas são mais fáceis de alcançar quando existe um controle de atividades e a colaboração de outras pessoas – o que forma uma rede de conhecimentos. No entanto, quando há projetos simultâneos, o esforço se torna muito mais complexo. Quando a atenção do gerente se divide, a transparência nas relações pode começar a ruir, e seu afastamento da equipe é questão de pouco tempo. Daí que a produtividade, fruto do vínculo e do prazer que temos pelo trabalho, desmorona. Para evitar esse quadro tão negativo, é fundamental que você seja tão transparente com sua equipe quanto interessado no que ela está fazendo. Elenquei abaixo algumas dicas de comunicação que vão te ajudar a convencer a buscar pelas metas como se fosse por seus sonhos:

1. Comunicando os objetivos

Por vezes, acontece do próprio gestor se afastar da missão, visão e valores da empresa. Daí, acaba estipulando metas mal definidas e a equipe não sabe por que – nem como – trabalhar tanto com tão pouca informação. Para guiar seus colaboradores em direção à sua meta, você precisa abrir o jogo e dizer para onde eles estão indo. Essa é a grande diferença entre conhecer a estrada e percorrer a estrada. Percorrê-la só é possível depois que todos deixam de simplesmente obedecer, e passam a desejar chegar ao destino o quanto antes. Para isso, pensam novas estratégias juntos, e se ajudam nos prazos. Porque o ideal agora é de todos. Por isso tudo, o primeiro passo que leva à recompensa no trabalho é conhecer a essência do negócio, e então comunicá-la.

2. Passando o briefing

Parece impossível para você não atrasar os projetos em andamento nem deixar o cliente insatisfeito sem sobrecarregar sua equipe? Quase impossível? Por isso, o segundo passo do controle de atividades é receber e passar o briefing completo de cada tarefa. E você não depende de vários e-mails, muito menos de uma reunião só para isso. Cheque se o seu briefing traz o fundamental, a citar:

A. O histórico do mercado;
B. O problema;
C. O objetivo;
D. O público de interesse;
E. O tom da abordagem;
F. O prazo e os custos;
G. Anexos e referências de apoio.

Confere? Só tome cuidado para não usar só e-mails para se comunicar. A conversa ao vivo torna tudo muito mais claro.

3. Dialogando com a equipe

O terceiro passo pela transparência no controle de atividades é sobre como você é visto por seus colaboradores. Não é só através de dados que você tem acesso ao desempenho da sua empresa. Antes, existe toda uma equipe por trás, que espera que seus líderes sejam guias, não paisagens. Muitos gestores apelam ao medo, a forma mais fácil de ser respeitado – só se esquecem de que é também a mais rápida de ser esquecido. Aqui vão alguns conselhos para você dialogar com sua equipe e, assim, ser respeitado:

A. Convide a equipe para um bate-papo uma vez por mês, explicando onde a empresa está e aonde ela quer chegar;
B. Deixe a porta aberta para que os colaboradores possam sugerir mudanças no ambiente e nas políticas da empresa;
C. Comunique as novidades da empresa, eventos e até mesmo o calendário de aniversários por e-mail ou num mural, antes que a rotina estrague essas importantes e pequenas comemorações do dia-a-dia;
D. Converse com todos para ter certeza de que cada um conhece a diferença que seu trabalho faz. Sem isso, não há transparência alguma que resolva.

4. Runrun.it

Para um controle de tarefas, você pode usar ferramentas que te ajudam a automatizar certas atividades cotidianas. Dessa maneira, pode privilegiar a transparência na comunicação com sua equipe. O Runrun.it é o primeiro software brasileiro para gerenciar projetos a partir de uma pilha de tarefas. Com ele, cada um sabe no que trabalhar primeiro, e o gestor sabe em quanto tempo as tarefas serão entregues, dispensando e-mails e reuniões. Experimente grátis: http://runrun.it

 

Você também pode gostar de ler:

 

gerenciando_projetos_atraves_da_gestao_de_pessoas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>