Por que um gestor online é a grande tendência do ano?

Por que um gestor online é a grande tendência do ano?

No fim dos anos 1990, qualquer empresa que fosse digna desse nome oferecia e-mail corporativo aos funcionários. Logo depois, todas o adotaram. Então, a grande vantagem competitiva veio a ser possuir um site. Passados quase 20 anos, todas têm e-mail, site e perfis em inúmeras redes sociais. Algumas estão presentes até no WhatsApp. Mas isso não parece ser suficiente quando o assunto é seduzir novos clientes e fidelizar os atuais. Poderia a tecnologia contribuir novamente? Estudos de tendências sugerem que sim, e apontam que o trunfo da vez é o gestor online de tarefas e equipes. Vejamos os motivos:

1. A ascensão do Design de Experiência do Empregado

Cada vez menos pessoas desejam passar sua vida toda, ou mais do que alguns anos, numa só empresa. A carreira é muito mais encarada como uma série de empregos, sendo cada um uma chance de aprender habilidades novas. Às vezes, radicalmente diferentes umas das outras. Finalmente as pessoas têm mais autonomia para descobrir do que mais gostam, mesmo porque ninguém tem apenas uma paixão, mas várias.

Por assim ser, testemunharemos a ascensão dos EX Designers, os responsáveis pelo design de experiência do empregado. Serão profissionais especializados em aprimorar os processos no ambiente de trabalho, desde o fluxo de demandas até a mensuração de custos, incluindo garantir que a empresa ponha em prática os valores que diz ter. E uma tecnologia crucial para manter essa harmonia é o gestor online.

2. O ganho de autonomia e flexibilidade dos profissionais

Um estudo americano aponta que 64% dos gestores esperam que sua equipe esteja acessível fora do escritório, no tempo livre. Como resultado, outro estudo sugere, mais da metade dos profissionais se sente esgotada – porque trabalha bem mais que as 40 horas semanais contratadas.

Contra esse desequilíbrio, a flexibilidade vem ganhando força como fator decisivo para alguém cogitar trabalhar ou permanecer numa empresa. Em 2016, portanto, espere ver – e ter – mais liberdade para trabalhar fora do escritório e fazer reuniões online. Novamente, graças ao gestor online (e não mais ao e-mail ou aos chats), será possível manter o trabalho fluindo mesmo que as pessoas estejam em lados opostos do planeta.

3. A redução e remodelagem dos escritórios

Com mais pessoas trabalhando remotamente, as empresas podem economizar milhões de dólares, reduzindo seus escritórios. Mas, enquanto para alguns é mais fácil se focar em locais pequenos, outros precisam de áreas abertas. Como lidar? Com base em uma pesquisa da Forbes, a maior parte dos profissionais espera móveis flexíveis, fáceis de deslocar e rearranjar, e um ambiente livre de distrações e com espaços de descompressão. E a sua empresa, como é? Precisa de uma boa reforma ou está dentro da tendência?

4. O uso cotidiano de wearables

Wearables (pronuncia-se como “uérabous”) são dispositivos feitos para vestir, como óculos e relógios, que você conhece por Google Glass e Apple Watch. O que haverá de novidade em 2016 é que eles serão usados no ambiente de trabalho também, para monitorar o bem-estar e a produtividade dos profissionais. Com aplicativos desenvolvidos especialmente para esse tipo de tecnologia, ficará ainda mais fácil do que no celular para os profissionais acompanharem sua fila de tarefas, controlar seu tempo trabalhado e checar as notificações do seu gestor online, inclusive.

5. O mais novo argumento de venda

“Uma série de fatores nos leva a crer que a automatização será uma grande força em 2016 na nossa economia. O aumento do salário mínimo, o esforço crescente das empresas para criar mais valor de negócio gastando menos, a pressão social por modernização e os avanços na robótica” – afirma o colunista da Forbes, Dan Schawbel.

Mais que isso, clientes de peso – e estamos falando de multinacionais, inclusive – têm considerado argumento de venda o fato de a empresa usar uma ferramenta de organização do trabalho e mensuração precisa de custos. E também por isso, agências e escritórios que disputam essas recheadas carteiras têm buscado essa solução enquanto é tempo.

Gestor online: Runrun.it

Entendeu como o cenário da tecnologia está guiando a economia e não quer correr o risco de deixar sua empresa afundar na crise? Você tem muitos meios para se salvar dela. Conheça o Runrun.it – o gestor online de tarefas, projetos e equipes que pode organizar todo o fluxo de trabalho, o diálogo e a mensuração dos resultados da sua empresa. Ou melhor, experimente grátis: http://runrun.it

gestor online

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>