Transforme informação em valor com um gerenciador de tarefas online

Transforme informação em valor com um gerenciador de tarefas online

Na era dos dados e da informação, é quase imperdoável que não utilizemos a tecnologia disponível para melhorar nosso dia a dia. Sua rotina de trabalho, por exemplo, seria mais produtiva se você soubesse quais são suas prioridades, quanto tempo você precisa se dedicar a determinada tarefa ou, até mesmo, a lucratividade dela. Ferramentas como o gerenciador de tarefas online são capazes de entregar todas essas informações para seus usuários, o que permite priorizar o que é mais importante, identificar gargalos e otimizar o tempo das equipes, evitando a sobrecarga de trabalho.

São muitos os ganhos que as empresas podem ter com um gerenciador de tarefas online, nós separamos cinco deles para você descobrir como a gestão de tarefas pode ser mais assertiva com uso dessa ferramenta.

1. Agilidade

Como calcular quanto tempo a mais precisamos para concluir esse projeto? Com um gerenciador de tarefas online, “tempo extra” se torna relativo, visto que a data de conclusão de um projeto é recalculada automaticamente, conforme as tarefas são entregues ou repriorizadas. Portanto, basta que o gestor da equipe monitore o cumprimento dos prazos regularmente. Todo o projeto estará alicerçado em números reais para guiar a gerência a tomar a decisão mais plausível.

2. Domínio

Com todos os arquivos e comentários relacionados às tarefas armazenados na nuvem, seu acesso aos detalhes do andamento e aos relatórios do projeto fica mais rápido e seguro. Não importa se você está no escritório ou em casa, se é antes ou depois do expediente, basta fazer login.

3. Clareza

Descobrir não é mais a palavra certa. Com um gerenciador de tarefas online, você fica sabendo facilmente quem está trabalhando em que, e com apenas dois ou três cliques. E se, ao acompanhar os recursos, precisar intervir, terá tempo para se preparar e meios para demonstrar sua decisão. Enquanto isso, infelizmente, vários gestores ainda dependem de anotações em cadernos ou mal se lembram de ter delegado, porque o fizeram pessoalmente. E você nem está pedindo muito: apenas uma performance digna para um cargo de importância como este.

4. Cooperação

Gerenciar tarefas não tem a ver com um gestor impor um punho de ferro à equipe, você sabe. Trabalha-se por conquistas respeitáveis, coletivas, que compartilhem desde simples dicas de leitura, cursos de aperfeiçoamento e eventos até arquivos sigilosos, elogios e dicas construtivas. O resultado será uma equipe mais gentil, entusiasmada e não apenas um, mas uma sucessão de bons projetos cumpridos.

>> Leitura recomendada: Compartilhe suas tarefas e projetos com seus clientes e evite retrabalho.

5. Comparação

Toda conclusão é comparativa. Quando tudo estiver dito e feito, você verá o que foi obtido e, até mais importante, o que não foi. Inclusive, se você gerenciar projetos independentes, poderá entender qual foi o mais eficiente. Olhe para trás, onde estão outros projetos acabados, e veja se sua equipe hoje entrega um desempenho menos ou mais eficiente. Porque seu gerenciador de tarefas online vai estar lá para te dizer tudo isso.

Empolgado com a ideia? Tente o Runrun.it. Nós temos cada uma das funcionalidades listadas e testar é grátis: http://runrun.it

 

gerenciador de tarefas online

Você também pode gostar de ler:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>