Gestão de custos: (Teste) Você sabe economizar na crise?

Gestão de custos: (Teste) Você sabe economizar na crise?

O grande comediante americano Will Rogers ficou famoso por afirmar: “Muita gente gasta o dinheiro que ganhou suado para comprar coisas que não quer, para impressionar pessoas que não ama”. E você? Faz o mesmo ou sabe poupar seu dinheiro? Tomara que seja a segunda opção! Pois em tempos de recessão econômica, a pessoa que consegue fazer os trocados renderem se destacará. Mas será que você tem o autocontrole e a consciência necessários para economizar? Se seus amigos seguissem o modo como você faz sua gestão de custos, eles se dariam bem (ou bem mal?) Não fique com essa pulga atrás da orelha. Faça o teste agora e descubra!

Pare de perder dinheiro

A redução de custos é sem dúvida a maneira mais rápida e mais fácil de melhorar a rentabilidade do seu negócio. Confira neste artigo as formas mais comuns de perder dinheiro mesmo com uma gestão de custos.

Gestão de custos automática para empresas

Agora que você sabe cuidar melhor do seu próprio dinheiro, deve estar pensando em fazer o mesmo com o dinheiro da sua empresa. A sorte é que você não precisa esquentar com isso. Atualmente, existem ferramentas que conseguem medir em tempo real os custos dos projetos e comparar o orçado ao trabalhado pela equipe. Assim você consegue precificar e cobrar quanto e de quem é preciso, com embasamento preciso. Uma solução e tanto para agências, escritórios de TI, arquitetura, assessoria, advocacia, em suma, qualquer empresa que lida com vários clientes ou tem diversas equipes para gerenciar. Uma ferramenta como esta é o Runrun.it – hoje adotado por mais de 150 mil empresas em 130 países do mundo. Quer ver como funciona? Comece grátis agora: http://runrun.it

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>