“Não existe negócio que possa evoluir nos dias de hoje que não contemple o uso da tecnologia” – Enio Klein

“Não existe negócio que possa evoluir nos dias de hoje que não contemple o uso da tecnologia” – Enio Klein

Engenheiro de Sistemas, com mais de 30 anos de experiência em processos e sistemas de informação, Enio Klein, CEO da Doxa Advisers, tem acompanhado nos últimos anos de perto a transformação digital e as mudanças impostas pela criação e uso de ferramentas de colaboração na nuvem.

Seu envolvimento com quatro equipes e com uma variedade de profissionais e clientes de background diferentes oportuniza que Klein tenha uma visão aberta sobre os desafios que precisam ser enfrentados pelos gestores a partir da diversidade, da mistura de gerações e do uso de ferramentas de gestão do trabalho remoto.

A conversa com Enio Klein faz parte da série “Meu Trabalho”, de entrevistas exclusivas para o blog do Runrun.it.

enio klein

 

1. Quais os principais desafios em sua função?

Tenho dois desafios que são caminho crítico para que possa exercer bem minha função. Gerenciar o tempo e gerenciar pessoas, pertençam elas à própria Doxa ou ao cliente, com a agravante de serem equipes distribuídas. Isto é, não estarem necessariamente no mesmo espaço físico.

2. Como é o seu ambiente de trabalho?

Diante do desafio que temos, organizamos a empresa em torno de um ambiente digital colaborativo – com o uso de ferramentas de colaboração e presença online na nuvem – de forma a otimizar a relação entre as equipes e pessoas assim como racionalizar os processos de trabalho neste ambiente onde as pessoas – nossas e dos clientes – não estão em um mesmo ambiente físico.

Criamos uma metáfora de espaço físico no ambiente da nuvem onde as pessoas se sentem como se estivessem em um mesmo lugar físico, mesmo estando a quilômetros de distância entre si. Temos um escritório físico pequeno, onde nos reunimos setorialmente para algumas atividades, mas geralmente utilizamos nosso ambiente virtual. Inclusive com a participação de clientes que fazem parte do ecossistema.

3. O que tem ajudado no aumento da sua produtividade?

Prover tanto as equipes internas quanto as de clientes: pertinência, disponibilidade, ser acessível, viabilidade para execução sem a necessidade de se ter a presença física. Racionaliza-se processos, elimina-se deslocamentos desnecessários, diminui-se custos de comunicação e, principalmente, no nosso caso podemos transferir estes ganhos aos nossos cliente com preços mais justos.

4. E o que você considera como principais tendências de trabalho na sua área?

O trabalho, independente da atividade exercida, certamente será realizado de forma diferente. Atividades podem ser simples como procurar um número de telefone, ou analisar um vídeo. Outras são complexas, como escrever um código de programação ou completar uma tarefa em um projeto de consultoria. Contudo, todas podem ser distribuídas entre profissionais em uma “nuvem de conhecimento” que podem estar em qualquer lugar. Se preparar para trabalhar em uma “Nuvem Humana” tendo como base ferramentas tecnológicas e colaborativas é algo que certamente é tendência para futuro. Acho mesmo que seja já no presente!

>> Leitura recomendada: 4 perguntas para 8 profissionais sobre o futuro do trabalho

5. Sobre o mercado de cloud, você espera transformações para 2018?

Espero mudança dos ambientes de negócio com a utilização de modelos operacionais e de gestão onde a tecnologia da informação desempenha papel chave na transformação da estratégia, estrutura e processos das empresas. O poder computacional, de armazenamento de informações e usabilidade de funcionalidades cresce em proporções enormes com o uso da internet e computação em nuvem. Isto irá mudar o mercado. Na verdade, já mudou. O que falta é vermos as empresa se transformarem efetivamente nesse caminho.

A transformação digital é tão inevitável quanto necessária para que as empresas continuem vivas. Nós da Doxa, ao entendermos os serviços de consultoria de outra forma, nascemos dentro do conceito de transformação digital. Nossa operação e nossa entrega são feitas com o uso de aplicativos e plataformas de colaboração que permitem não somente ganhos de produtividade enormes que podem ser repassados ao cliente, como muda completamente a experiência e o potencial de benefícios que estes podem ter ao usar nossos serviços. Isso é a transformação digital aplicada ao nosso segmento.

>> Leitura recomendada: [Ebook] Automação e Transformação Digital no Trabalho

6. Como funciona a relação das diferentes gerações no ambiente de trabalho?

Não é somente uma questão de diferentes gerações, mas como cada geração entende as novas relações de trabalho, as novas formas de trabalhar e as novas ferramentas de trabalho. Para cada geração, existem desafios diferentes que precisam ser enfrentados e resolvidos para que se consiga conciliar a experiência, o conhecimento, a inovação e a capacidade de execução das equipes.


“Para cada geração, existem desafios diferentes que precisam ser enfrentados e resolvidos para que se consiga conciliar a experiência.”


Se as novas gerações nasceram com tecnologia e inovação em seus DNAs, as gerações mais antigas possuem a capacitação sedimentada e experiência adquirida. Inovação sem experiência, normalmente, não passa do laboratório. É preciso mostrar que não existem conflitos, mas complementaridade entre as gerações. Gerenciar, hoje, exige do executivo não só uma imensa capacidade, mas, principalmente, uma habilidade extrema de conciliar tudo isto de forma produtiva. A mescla é fundamental. Quem tiver isso ganha o jogo.

>> Leitura recomendada: Geração Y: como o novo líder deve se relacionar com as organizações 

7. Tem alguma dica para quem está entrando no mercado de trabalho?

A melhor dica que poderia dar é a de manter-se atualizado com os recursos da tecnologia e o que eles podem proporcionar. Não existe negócio que possa evoluir nos dias de hoje que não contemple o uso da tecnologia. Se você não está disposto a evoluir, a estudar e a conhecer cada vez mais como aplicá-la, a defasagem e consequentemente a empregabilidade ou a capacidade de gerar negócios irá se reduzir proporcionalmente.

8. O que mudou na sua rotina nos últimos 5 anos?

Há cinco anos, não tínhamos a evolução tecnológica. A mobilidade, Internet das Coisas e tudo o que a evolução da tecnologia nos trouxe nos últimos anos me fizeram mudar praticamente tudo em minha rotina e no meu fluxo de trabalho. Hoje, trabalho de qualquer lugar. Minha capacidade de trabalho é praticamente a mesma onde quer que eu esteja. Por esta razão, minha necessidade de deslocamento foi drasticamente reduzida e, com as ferramentas disponíveis, minha capacidade de entrega está muito maior. Respondo mais rápido, faço mais coisas e sobra mais tempo. Definitivamente a tecnologia melhorou a capacidade de trabalho e a qualidade de vida.


“A minha necessidade de deslocamento foi drasticamente reduzida e, com as ferramentas disponíveis, minha capacidade de entrega está muito maior.”


9. E o que mudou na sua área nesses últimos anos? Quais foram os principais impactos com as inovações tecnológicas?

A prestação de serviços mudou e está mudando cada vez mais, e mais rápido. Felizmente, na Doxa, fomos capazes de usar esta evolução de forma muito efetiva, em benefício do nosso cliente e, porque não, da nossa qualidade de vida. A mobilidade proporcionada pela internet e materializada nos smartphones e tablets. O ferramental tecnológico que a computação em nuvem trouxe para a colaboração entre pessoas permite que o trabalho em equipe seja potencializado e estimulado, mesmo quando as pessoas não estão no mesmo local físico.

Hoje se trabalha por objetivo. Equipes se reúnem para realizar determinado objetivo em determinado tempo. Não importa onde estejam, importa que consigam trabalhar juntos. Este fato por si só começa a impactar nas estruturas organizacionais e funcionais. Elas começam a se partir e se organizar por competências. Isto mudará a forma de trabalhar, a forma de remunerar e como as empresas se organizam em muito pouco tempo.


“O ferramental tecnológico que a computação em nuvem trouxe para a colaboração entre pessoas permite que o trabalho em equipe seja potencializado e estimulado.”


10. Como você se vê profissionalmente em 5 anos?

Meu objetivo é que possa usufruir dos empreendimentos que venho construindo ao longo do tempo e possa cada vez mais me dedicar as coisas que gosto de fazer, relacionadas ao ensino, ao uso cada vez mais profundo da tecnologia nos modelos de negócio e ajudar aos mais jovens a gerenciar o ímpeto da inovação com ferramentas de governança e gestão. Sem gestão, a inovação não vai muito longe.

11. Que conselhos você daria ao seu ‘eu’ de 10 anos atrás?

Organize-se mais. Utilize as ferramentas de governança e gestão a seu favor. Tenha um conselho de administração. O empreendedor geralmente é uma ameaça ao seu empreendimento não por conta de incompetência, mas pelo simples ideal que possui em desenvolver seu negócio. Ninguém sabe tudo. Peça ajuda!


 

Gestão alinhada com o futuro do trabalho

O Runrun.it é uma ferramenta que auxilia na gestão de projetos e na tomada de decisão para empresas atentas às mudanças do mercado. É possível dar mais espaço para ideias criativas ao centralizar o controle da comunicação e das horas dos seus colaboradores, sem perder dados importantes sobre a produtividade. Com a ferramenta, você consegue manter um monitoramento regular das atividades, acompanha o andamento de cada tarefa realizada e quanto tempo falta para que seja concluída. Um software que pode ajudar a sua empresa a se manter alinhada frente às mudanças da indústria criativa. Conheça mais testando grátis: http://runrun.it

Entrevistas que você pode gostar:

 

Gif_Signup-1-1-3

One thought on ““Não existe negócio que possa evoluir nos dias de hoje que não contemple o uso da tecnologia” – Enio Klein

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>