Adote o Scaled Agile Framework (SAFe) e eleve sua gestão ágil a um nível organizacional

Adote o Scaled Agile Framework (SAFe) e eleve sua gestão ágil a um nível organizacional

Como avançar em um ambiente corporativo altamente competitivo? Para a empresa americana Vantiv, que é líder em processamento de pagamentos, a resposta foi fornecer mais recursos em menos tempo, o que seria possível a partir da implantação do SAFe – Scaled Agile Framework.

O SAFe, Scaled Agile Framework, é um framework projetado por Dean Leffingwell para expandir o desenvolvimento ágil a nível corporativo, permitindo que o Scrum e o XP, conhecidas metodologias de projetos para equipes, sejam aplicados a grandes organizações, facilitando o gerenciamento de tarefas em empresas com vários desenvolvedores integrados.

Também recomendamos a leitura de artigos relacionados ao assunto:

 

Como a empresa Vantiv implantou o método SAFe – Scaled Agile Framework

Querendo melhorar sua posição no mercado, a empresa Vantiv juntou-se a um grupo de organizações de serviços financeiros de rápido crescimento, precisando recorrer ao SAFe para gerenciar seus processos. De acordo com esta matéria do blog Scaled Agile Framework, por tratar-se de uma indústria altamente avessa ao risco, a escolha da Vantiv diz algo sobre a estabilidade que a metodologia SAFe propicia a essas empresas quando buscam melhorar suas ofertas aos consumidores.

Para integrar as equipes no Scaled Agile Framework, a Vantiv adotou os seguintes passos:

– Realização de uma série de exibições do modelo ágil em vários locais, com mentores respondendo perguntas e encorajando os funcionários a falar sobre por que os esforços agile de até então não estavam surtindo efeito;
– Os mentores, previamente preparados a instruir o modelo SAFe, explicaram os principais enganos relacionados a essa prática, e principalmente que, se você é agile, então não é fluido. Eles instruíram, também, que a Scaled Agile Framework permite construir estruturas de sucesso; e
– Por último, a Vantiv estabeleceu avaliações trimestrais de negócios e produtos com seus gerentes, de forma a melhorar o alinhamento entre os objetivos de negócio e o desenvolvimento de produtos, resultando em maior transparência e feedback.
 

Resultado após 18 meses de implantação

Produtividade – Em 2015, a Vantiv aumentou em 7% seus recursos e capacidades com um número de funcionários reduzido em 9%;

Time-to-market (TTM) – Vantiv atingiu seu objetivo de se tornar mais focado na entrega de produtos, criando soluções inovadoras antes mesmo da demanda do mercado;

Previsibilidade – No nível ART, equipes cumpriram com suas demandas com entre 80 e 100% do tempo necessário ao concentrarem-se na entrega incremental e nos comentários das partes interessadas;

Qualidade – Ano após ano, o número de soluções duplicaram, ainda que o índice de qualidade relatados pelos clientes não tenha aumentado;

Engajamento e retenção de funcionários – O atrito entre os funcionários também diminuiu nos últimos dois anos, sendo que a empresa Vantiv foi eleita o melhor lugar para se trabalhar em Cincinnati, estado norte-americano do Ohio.

Conheça as 12 principais características do SAFe

De acordo com o artigo de André Luis Celestino para o portal PTI, o Scaled Agile Framework segue as mesmas funções das metodologias Scrum e XP, porém estendida a uma grande organização. Conheça 12 definições que irão aumentar sua familiaridade com o SAFe:

1) É uma metodologia escalável – com a expansão a nível organizacional, agora a metodologia ágil, incorporada pelo método SAFe, abrange gerentes, analistas de negócio e de sistemas e também os gestores, integrando toda a organização em uma estrutura única;

2) Método gratuito – apesar de sofisticado, o Scaled Agile Framework não exige licença nem mensalidades para ser implementado, estando totalmente disponível e com material detalhado ao alcance de sua empresa. Confira o site.

3) Metodologia traduzida em uma só imagem – The Big picture é o nome do diagrama que demonstra o funcionamento de fluxo, papéis e atividades do framework SAFe, propondo que a escala organizacional tenha uma divisão em três níveis: portfolio (gerencial), program (estratégico) e team (operacional);

4) Conhecimento simples – o SAFe pode ser aprendido rapidamente pelas equipes, em até menos que uma semana, uma vez que seu diagrama The Big Picture é altamente interativo e bem explicado;

5) Entrando no contexto agile – ao incorporar o SAFe, sua empresa estará incorporando siglas que fazem parte do cotidiano de quem utiliza esse framework, como AT (agile team), PI (program increment), RTE (release train engineer), ART (agile release train), I&A (inspect and adapt), ST (system team), DBT (define, build, test) e SD (system demo);

6) Métodos consolidados com o mercado – outra vantagem desse framework é que ele unifica metodologias ágeis já conceituadas no mercado, como a Scrum e a XP, criando inclusive o termo ScrumXP para englobar seus procedimentos e códigos;

7) Quebrando paradigmas – apesar de o método Scaled Agile Framework incorporar o ScrumXP, alguns dos ciclos dessas metodologias são realizados de forma diferente, exigindo que a equipe esteja bem integrada em relação às diferenças;

8) Na corrida das certificações – atualmente, há 5 certificações disponíveis para o método SAFe, que são providos pela Scale Agile Academy, com consultores SAFe capacitados em escalabilidade ágil. Saiba mais no site do Scaled Agile Academy;

9) Arquitetura sustentável – os itens em vermelho apresentados no diagrama do The Big Picture são chamados “itens arquiteturais”, e foram criados justamente para auxiliá-lo no refinamento da estrutura e funcionalidades do seu projeto, tornando-o sustentável e evitando restrições técnicas ou por obsolescência;

10) Uso de novas ferramentas – há diversas ferramentas inovadoras no mercado que se tornam úteis após a implementação do método SAFe. A IBM oferece um conjunto de recursos denominado RTC (Rational Team Concert) para manipulação dos itens de backlog do SAFe e outras formas de controle de Sprints;

11) Agile Teams no Linkedin – há diversos grupos de discussão no Linkedin dedicados ao framework SAFe, podendo ajudar na orientação dos seus funcionários ao resolver dúvidas com dicas e exemplos práticos;

12) Sempre atualizado – A Scale Agile, mantenedora do método SAFe, responsabiliza-se por atualizar o framework conforme o feedback e experiência dos usuários, além de disponibilizar um blog para consultas com resultados reais.

E você, está em busca de ferramentas que facilitem o gerenciamento de pequenas ou grandes equipes, elevando o nível de produtividade e melhorando o fluxo dos projetos? Experimente Runrun.it, software de gestão que coloca todo o controle nas suas mãos, com monitoramento de tarefas e produção de relatórios de performance. A ferramenta é aderente com diversos frameworks de metodologias ágeis. Faça um teste grátis hoje mesmo: http://runrun.it
 
Gif_Signup-1-1-3

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>