Pare de trabalhar tantas horas!

Medir a produtividade dos seus funcionários através do número de horas que eles trabalham pode não ser uma boa idéia. Pelo menos é o que diz um estudo recente, publicado no blog da Harvard Business Review, feito pela professora de gestão Kimberly Elsbach:  link para o estudo  Se medir a eficiência pelas horas gastas no escritório fosse o caminho correto, aumentar a produtividade seria uma questão de ampliar o número de horas trabalhadas, mas sabemos que isso não funciona.

Acostumar os funcionários com a cultura de “horas dedicadas” acaba gerando um efeito contrário, onde muito tempo é gasto em tarefas de pouquíssimo impacto para os resultados da empresa.

Para dar foco ao que interessa, a professora sugere que as pessoas trabalhem bem a prioridade das suas tarefas, tentem fugir ao máximo de reuniões – onde se gasta muito tempo, em troca de pouca produtividade – e saibam dizer “não” à pequenas tarefas que parecem ser puro desperdício de tempo.

O Runrun.it pode ajudar a sua equipe a focar no que interessa. Crie uma conta grátis e comece a testar.

POSTS RELACIONADOS:

Relaxe! E você será mais produtivo

Cinco dicas de gestão de tempo

Viciado em reuniões? Sai dessa

Assine nossa newsletter para receber conteúdo exclusivo

    Ao assinar a newsletter, declaro que conheço a Política de Privacidade e autorizo a utilização das minhas informações.

    Compartilhe!

    Assine nossa newsletter para receber conteúdo exclusivo